“Tudo e Todas as Coisas” para sentir-se vivo

O que te faz se sentir vivo? Trabalhar/estudar e conquistar coisas? Algum lugar específico que faz seu ritmo mudar? Um momento específico que faz seu coração desritmar? Ou um sentimento diferente que te faz sair do ar?

Maddy (Amandla Stenberg) precisa se manter viva. Desde pequena foi diagnosticada com Síndrome da Imunodeficiência Combinada, uma doença rara que faz com que seu corpo não combata vírus e bactérias. Por isso, sua mãe tornou a casa onde moram um castelo de vidro todo esterelizado. Assim, a menina, já aos 18 anos, nunca saiu de casa.

Seu contato com o mundo exterior começa através da janela de seu quarto quando Olly (Nick Robinson) se muda para a casa ao lado. Eles se tornam amigos virtuais, mas um sentimento diferente cresce entre eles, e a vontade de se verem pessoalmente cresce. 

Olly começa a alimentar nela vontades que antes eram só sonhos, como o desejo de ver o mar. E Maddy alimenta em si sentimentos antes desconhecidos, principalmente em relação ao menino e à própria mãe.

Filme baseado no best-seller com o mesmo nome, com atores desconhecidos – para que nso concentremos na história e o que ela fem pra passar, além de abrirmos o cinema para novas estrelas. E da diretora Stella Meghie, a mesma de “Como Eu Era Antes de Você”, ambos capazes de emocionar. 

Em uma passagem do filme, Maddy diz – parafraseando – que ela passou a vida toda se mantendo viva, mas ela precisava se sentir viva. 

O que me faz sentir viva? Acordar todos os dias? Poder trabalhar? Buscar realizar sonhos? Ou apenas amar, sentir…? 

E o que me faz permitir-me sentir viva? Ou você permitir-se sentir vivo?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s